Pesquisar notícia
sábado,
18 set 2021
PUB
Sociedade

VN da Barquinha: Restaurante Loreto um espaço que respira tranquilidade e bem-estar

14/01/2019 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

David Fragueiro, 34 anos, natural de Atalaia, concelho de VN da Barquinha, é o gerente do novo espaço Loreto – restaurante/wine bar - que abriu oficialmente no dia 1 de dezembro ao público.

 

David realizou o curso de Hotelaria em Fátima. Trabalhou durante 10 anos em Lisboa, numa casa de fados e decidiu, com o apoio da sua namorada, Sofia Vieira, e de toda a família, abrir o espaço em VN da Barquinha, que estava fechado há dois anos e meio.

 

Sempre foi um sonho ter um restaurante aqui e já há muito tempo que tentávamos abrir um espaço. Soubemos do concurso por parte do Município e decidimos concorrer com o conceito de restaurante / wine bar”, começou por contar ao JA o empreendedor.

 

O Loreto está num local privilegiado da vila. Na sua envolvência tem o Parque Ribeirinho, repleto de esculturas e de uma natureza contagiante, mas é sobretudo o rio Tejo que maior relevância assume na paisagem do espaço. Foram estas as duas potencialidades que David encontrou e que o motivou a explorar o espaço durante pelo menos 5 anos, num contrato com o Município, que poderá ser renovado.

 

Em termos de potencialidades começo pela vista. Depois, a localização do espaço mesmo junto ao rio e, por fim, tem outra potencialidade que é a divisão pelos dois pisos o que nos vai permitir, no verão funcionar, com o conceito de tapas e petiscos no piso inferior e na esplanada”, referiu.

 

Quanto ao conceito, o empreendedor pretende apostar nos pratos mais típicos do concelho, mas não só, também num estilo inovador e gourmet. “Penso que a nossa população está a ficar cada vez mais sensibilizada para este tipo de conceito onde se vê o vinho ao copo, as tapas, o petisco, mas depois também temos os pratos típicos da região, nomeadamente, quando for a época da lampreia, do sável e da fataça. Ainda queremos apostar noutro tipo de gastronomia, com um empratamento mais gourmet”, vincou.

 

É um facto que o conceito gourmet assusta muito as pessoas. Contudo, é preciso explicar que o que se pretende é ter empratamento mais requintado, harmonioso e apelativo, ou seja, ninguém vai passar fome, nem ninguém vem para pagar muito”, salientou o responsável.

 

David Fragueiro é o gerente do novo espaço Loreto

 

Ideias não faltam. David quer trazer ao Loreto, chef de cozinha que a partir deste novo ano confecionem e preparem ementas diferenciadoras. “Em janeiro, vamos ter o chef Rafael, que está no hotel Lusitanos, e em fevereiro, vamos ter um chef francês. Durante estes dias, em que os chef são convidados a estar, são eles que vão definir e confecionar o menu. Também vamos arrancar com as noites de fados e de jazz”, disse o empreendedor, adiantando que a partir de janeiro vai ter uma diária ao almoço e a partir do próximo verão as noites de sushi vão ser uma constante.

 

O Loreto é sobretudo dirigido a um público mais maduro e que aprecie estar num espaço aprazível e calmo. A decoração está repleta de elementos associados ao rio. “Tentámos trazer os barcos que andam nos rios Tejo e Zêzere. Depois, na parte do empratamento, estamos apostados na inovação. No entanto, estou recetivo a ideias por parte de quem nos visita, porque pretendo agradar o cliente, sendo o mais exigente possível na confeção”.

 

David Fragueiro com a sua equipa

 

Apesar de estar aberto somente há umas semanas, o balanço não poderia ser melhor. “Aos almoços tenho servido cerca de 30 refeições diárias. Depois no período noturno, temos noites mais calmas, mas outras bastante completas. Apesar de ser ainda pouco tempo, a experiência está a ser muito positiva”.

 

David considera que “a Barquinha tem muita procura turística e tem pouca oferta. O Parque Ribeirinho a um domingo atrai milhares de pessoas e de verão está sempre cheio”.

 

Sempre achei que era uma pena este espaço estar fechado. A bela vista e a proximidade ao parque faz com que tenha tudo para ser um sucesso”, finalizou o responsável.

 

A inauguração do espaço aconteceu no dia 30 de novembro e contou com diversos convidados, entre os quais Fernando Freire, presidente da Câmara Municipal.

Joana Margarida Carvalho

 

Loreto - nome de um antigo Convento na margem direita do rio Tejo, próximo do Castelo de Almourol, é a designação do novo espaço.

 

Tem cerca de 45 lugares

 

Representou um investimento de 50 mil euros

 

Conta com 5 profissionais

 

Horários:

 

Aberto todos os dias das 12h00 às 24h00

 

Quando a esplanada estiver pronta passará a abrir das 10h00 às 24h00