Pesquisar notícia
terça,
21 set 2021
PUB
Sociedade

TDT muda em Abrantes a 1 de setembro

31/08/2020 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

O processo de migração da televisão digital terrestre (TDT), essencial para o desenvolvimento do 5G, foi retomado a 12 de agosto e envolve a alteração de 28 emissores nos distritos de Portalegre, Castelo Branco e Santarém.

De acordo com a Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) neste mês de setembro, o processo começa por Abrantes (dia 01), Sertã (02), Bufão (03) e Avis (04).

Nestas datas, em princípio durante a tarde, caso os cidadãos liguem a televisão, vão encontrar a imagem da mesma a preto, e o que é importante saber é que a televisão não está avariada”, alertou o presidente da Anacom, João Cadete de Matos, aconselhando ainda as pessoas que “veem televisão gratuita” que “façam uma sintonização automática dos canais, através do comando da televisão”.

O processo de mudança dos restantes 180 emissores que "ainda terão que ser alterados vai decorrer até ao dia 18 de dezembro, data em que previsivelmente este processo ficará concluído", adianta.

"O processo de migração da rede de TDT começou em 07 de fevereiro e foi suspenso em 13 de março, devido aos efeitos da pandemia de covid-19. Neste período mudaram de frequência 63 emissores, de uma rede que é constituída por 243 emissores", recorda a Anacom.

"Para informar a população impactada nesta fase, a Anacom divulgou informação relativa às mudanças na TDT através de uma carta e de um folheto entregue em casa de todas as pessoas, que resume a informação relevante para se adaptarem a este processo de mudança", salienta o regulador liderado por João Cadete Matos.

"Para ajudar neste processo, a Anacom criou uma linha telefónica de apoio gratuita (800 102 002), que funciona todos os dias entre as 9:00 e as 22:00, para o qual as pessoas poderão ligar para esclarecer dúvidas e obter apoio na sintonia da sua televisão", acrescenta.

João Cadete de Matos, presidente da ANACOM

O regulador alerta que "só irá a casa de quem ligar para o 800 102 002 e se na sequência desse contacto for feito o agendamento da visita. Se a pessoa nunca ligou para este número e aparecer alguém a bater-lhe à porta a dizer que é da Anacom e que vai fazer a sintonia dos equipamentos, há que ter cuidado e não abrir a porta, porque não serão técnicos" da entidade.

O presidente da Anacom informou que contam “com a ajuda das Câmaras Municipais, Juntas de Freguesia, instituições de solidariedade e meios de comunicação, que estão a participar na divulgação desta iniciativa e que, por isso, o processo está a correr bastante bem”.