Pesquisar notícia
segunda,
20 set 2021
PUB
Sociedade

RAME: Juramento de Bandeira em tempos de pandemia (C/ VÍDEO)

24/07/2020 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Esta sexta-feira, 24 de julho, teve lugar no Regimento Militar de Emergência de Abrantes (RAME), a cerimónia do Juramento de Bandeira do 5.º Curso de Formação Geral Comum de Praças do Exército 2020.

O 5.º Curso é composto por 14 soldados recrutas, três femininos e 11 masculinos, incorporados no RAME.

A cerimónia que, devido à situação de pandemia COVID-19, estava programada para ser um momento privado, teve autorização para receber dois familiares por cada militar que integrou o Curso. Desta vez, também não houve convites a entidades civis.

Foi uma cerimónia atípica, como quase tudo nos últimos tempos, em que os militares nunca retiraram as máscaras.

Presidida pelo Major General Xavier de Sousa, 2.º Comandante das Forças Terrestres, não deixou, no entanto, de ser um momento solene e emocionante para quem assistiu e, acima de tudo, para quem o vivenciou. Dirigindo-se aos militares que juraram a Bandeira, Xavier de Sousa referiu o compromisso que assumiram “perante o Exército e perante a Pátria”, lembrando que “há um quadro de valores” a respeitar e que “há um antes e um depois” deste dia.

“É um quadro de valores rigoroso que vos há-de exigir muito em todos os momentos da vossa vida enquanto cidadãos fardados mas é também, e ao mesmo tempo, um referencial para qualquer cidadão mesmo que não tenha passado pelas fileiras”, disse. Os tempos de pandemia também não foram esquecidos e o Major General referiu que “temos nos últimos tempos mostrado que o Exército está ao lado dos seus cidadãos porque é feito por cidadãos portugueses. Temos a consciência de que a Nação, em cada momento, precisa de nós e mais nestes momentos”.

Falando para dentro, Xavier de Sousa recordou aos militares que “estão num Regimento superiormente comandado e orientado pelo vosso Comandante [Coronel de Infantaria Luís Barroso] e que tem uma missão muito especial no quadro do apoio às populações, aquilo a que chamamos o apoio militar de emergência”, referindo-se aos incêndios florestais ou à distribuição de água em alturas de seca.

Também os 41 elementos que se distribuíram pela parada Militar e “que dentro de algum tempo serão também empossados como membros de pleno direito das Forças Armadas”, puderam assistir à cerimónia.

O soldado recruta melhor classificado durante a instrução básica no 5.º Curso de Formação Geral Comum de Praças do Exército 2020 foi Vanessa Gonçalves que obteve a classificação final de 16,58 valores. A soldado recebeu o prémio das mãos do Major General Xavier de Sousa, 2.º Comandante das Forças Terrestres, juntamente com pais da soldado.

Texto: Patrícia Seixas

Fotos e vídeos: Taras Dudnyk