Pesquisar notícia
segunda,
20 set 2021
PUB
Sociedade

Médio Tejo: TAGUS lança 2ª edição do Moovideias

4/10/2017 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Miguel Pombeiro, da CIMT, Conceição Pereira, da TAGUS, Licínio Neto e Júlia Amorim presidente da direção da TAGUS

A TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior, promoveu esta quarta-feira, em Tramagal,  a sessão de lançamento da 2ª edição MoovIdeias, nas instalações do Museu da Metalúrgica Duarte Ferreira.

A iniciativa contou com a entrega de prémios da 1ª edição do MoovIdeias por parte da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT), entidade responsável pela iniciativa.

O vencedor da primeira edição foi Licínio Neto, de Torres Novas, com a marca RECADEX. Trata-se de uma ideia de negócio que Licínio Neto consolidou com o apoio do MoovIdeias.  

A RECADEX “ é um serviço de entregas de vários tipos, destinado a pessoas com pouca mobilidade ou com pouca disponibilidade”.

“Faço as entregas através de uma bicicleta elétrica e bastante original. Entrego correio, encomendas, refeições confecionadas, cabazes hortícolas, roupa para a lavandaria e ao mesmo tempo faço publicidade na bicicleta através de bandeiras”, explicou o vencedor do concurso.  

Licínio Neto

Licínio Neto referiu ainda que se trata de “um trabalho ao domicílio ou prestado às empresas em Torres Novas (…) que “o negócio está crescer” e que quer “fomentar a marca a nível nacional”.

A participação no concurso foi importante para Licínio Neto, pois ajudou-o a encontrar “o foco do negócio” e a melhorar os seus objetivos: “Dá ferramentas para termos a capacidade de termos melhores resultados”, vincou.

Por sua vez, Miguel Pombeiro, secretário executivo da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT), explicou à Antena Livre que o MoovIdeias se inseriu “numa candidatura comunitária que foi promovida pela CIMT, em conjunto com os três grupos de ação local do nosso território, a ADIRN, a TAGUS e a Pinhal Maior, e visa de facto ajudar os empreendedores a transformar uma ideia num negócio em concreto”.

“Tivemos a felicidade deste projeto coincidir com um sistema de incentivos que têm concurso aberto no nosso território - o SI2E (Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego). E, portanto, a nossa ideia é que de facto este concurso de ideias possa ajudar a criar empresas e que se possa cruzar com os regimes de sistemas de incentivos para a criação de empresas”, referiu Miguel Pombeiro.

Questionado sobre a adesão à primeira edição do concurso Moovideias, que decorreu nos últimos meses, o responsável disse que “ a primeira edição teve um período de tempo muito curto para a sua promoção, ainda assim houve uma dúzia de inscritos e houve projetos que se desenvolveram bastante durante as cinco etapas que cada um dos Moovideias tem”.

Para esta segunda edição, Miguel Pombeiro avançou que já existe “uma quantidade de candidatos para esta segunda fase”. E lembrou que os prémios do concurso consubstanciam-se “ em horas de apoio por parte de consultores especializados que apoiam no desenvolvimento do negócio”.

“Hoje deu-se o pontapé de partida quanto à segunda edição. Existirá ainda uma terceira edição no final do ano com a Pinhal Maior e uma quarta [edição] no primeiro trimestre com a ADIRN”, concluiu.

A TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior está a levar a cabo a 2ª edição do Concurso de Ideias – Moovideias, que se insere no projeto “Médio Tejo – Vive o Empreendedorismo”, desenvolvido através do Programa Operacional Regional do Centro (Centro 2020), no âmbito do SIAC – Sistema de Apoio a Acções Colectivas e co-financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

Conceição Pereira, técnica coordenadora da TAGUS, explicou que “no MoovIdeias [os participantes] acabam por consolidar ideias, construir uma realidade e por fazer candidaturas com muito melhor qualidade. E nós esperamos que sejam candidaturas com boa noção dos objetivos do território”.

A primeira sessão do MoovIdeias acontece dia 11 de outubro e segunda a responsável existem “uma dúzia de participantes no concurso, uma sala completa, mas na eventualidade de haver alguém interessado, podem contactar rapidamente a TAGUS”.