IP anuncia investimento de 12,1ME para trabalhos na A23, no IC10 e no IP6

Sociedade 2019-08-17
A23.JPG
A23.JPG

A Infraestruturas de Portugal (IP) anunciou esta sexta-feira um investimento de 12,1 milhões de euros para trabalhos de conservação e operação, durante três anos, na rede de autoestradas a cargo da empresa, nos distritos de Santarém e Leiria.

Em comunicado, a IP explica que lançou um concurso público com um valor base de 12,1 milhões de euros para a realização de trabalhos de conservação corrente e operação na Autoestrada 23 (A23), no Itinerário Complementar 10 (IC10) e no Itinerário Principal 6 (IP6).

“A rede viária com características de autoestrada sob gestão direta da IP nestes distritos tem uma extensão total de 163 quilómetros e integra um total de 165 Obras de Arte - infraestruturas especiais como pontes, túneis, viadutos”, refere a nota.

As vias alvo de intervenção são a A23, entre Torres Novas e Abrantes, o IC10, entre Santarém (A1) e Almeirim (incluindo a Ponte Salgueiro Maia) e o IP6, entre Peniche e a A8/IC1.

Decorre agora a fase de receção de propostas ao concurso público.

“O contrato compreende a realização de atividades de operação, nomeadamente de patrulhamento, fiscalização da rede rodoviária e assistência ao utente, e a execução regular de trabalhos de manutenção e conservação corrente”, acrescenta o comunicado.

A IP explica que “as intervenções de conservação corrente rodoviária consistem num conjunto de ações de conservação de rotina, efetuadas sobre todos os componentes da estrada, de forma a assegurar a sua preservação e funcionalidade”, assim como garantir "todas as condições de segurança da circulação rodoviária" dos utentes.

Lusa