Grande Reportagem: A Feira de S. Matias (C/ÁUDIO E FOTOS)

Sociedade 2020-02-20

A Feira de S. Matias, em Abrantes, é centenária. Ou melhor, muito mais do que centenária. Há registos do século XIV. Há outros do século XVII.

Em 2010 a autarquia assinalou um data redonda da Feira: 500 anos. Estava então instalada no parque da Quimigal, em Alferrarede. O local que ainda hoje é revelado pelos feirantes como melhor do que ao atual, Aquapolis Sul.

E o Rossio ao sul do Tejo será o local definitivo, se a comunidade assim quiser, diz o presidente da Câmara Municipal de Abrantes.

 

Perde-se no tempo a memória do que era a Feira de Abrantes. Recuamos a 1953 onde uma reportagem, que pode ser vista na página da Cinemateca Portuguesa, tem a descrição desta Feira.

A venda de gado era um dos principais segmentos. E em 1953 a Feira já tinha um parque com três carrosséis.

Mas ao longo dos anos a feira foi mudando. Mudou de locais. Mudou de produtos. Mudou de pessoas. Mudou e continua a mudar.

Antigamente, e não é preciso recuar a 1953 basta ir aos anos 70 e 80, era na feira que as famílias iam encontrar quase tudo o que precisavam. Desde as panelas, aos móveis, aos lençóis e colchas, passando pelas peças de barro ou de madeira, ou plantas e animais. E as farturas ou o algodão-doce, a que se juntava o torrão de Alicante, faziam das delícias de miúdos e graúdos.

Créditos: Imagem retirada de um vídeo da Cinemateca Portuguesa de 1953

Créditos: Imagem retirada de um vídeo da Cinemateca Portuguesa de 1953

Créditos: Imagem retirada de um vídeo da Cinemateca Portuguesa de 1953

Créditos: Imagem retirada de um vídeo da Cinemateca Portuguesa de 1953

Créditos: Imagem retirada de um vídeo da Cinemateca Portuguesa de 1953

Créditos: Imagem retirada de um vídeo da Cinemateca Portuguesa de 1953

Créditos: Imagem retirada de um vídeo da Cinemateca Portuguesa de 1953

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

 

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

Créditos: Antena Livre e Jornal de Abrantes

 

Ouça aqui a Grande Reportagem da autoria do jornalista Jerónimo Belo Jorge sobre a Feira de S. Matias.