Pesquisar notícia
segunda,
20 set 2021
PUB
Sociedade

CTT vão pedir novo aumento do preço do correio à Anacom

21/03/2021 às 09:45
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Os CTT vão pedir um novo aumento do preço do correio à Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) para compensar as perdas de 2020, anunciou o presidente da empresa, João Bento, numa entrevista à Antena 1/Jornal de Negócios.

“Fizemos, e é público, um pedido de aumento de preço à Anacom, de acordo com as regras anteriores, e estamos agora a preparar um segundo pedido de aumento à Anacom para ter em conta o que foi a queda excecional do ano de 2020”, disse o presidente executivo dos CTT.

João Bento escusou-se a revelar o valor desse pedido de aumento, afirmando que os CTT são uma empresa privada e essa revelação poderia “criar expectativas que podem não ser cumpridas”.

“É um pedido de aumento razoável e que vai de algum modo compensar, pelo menos, parcialmente as nossas perdas”, disse apenas.

João Bento frisou que a queda que a empresa sofreu em 2020 “foi ainda maior” do que a esperada.

“Sabemos qual o aumento de preço que deveríamos ter tido em 2020, para compensar a queda que esperávamos ter. A queda foi ainda maior e, portanto, sabemos quanto vem acumulado daí e quanto deveríamos ter tido para 2021", explicou.

Lembrando que a concessão do serviço público foi prorrogada pelo Governo por um ano, o presidente dos CTT disse que "nem sequer foi preparado o material para que o aumento de preço de 2021 tivesse em conta a queda".

Segundo João Bento, os CTT registaram em 2020, o primeiro ano da pandemia de covid-19, uma redução de 16,5% no volume de correio.

Lusa

Palavras chave:
CTT preços