Pesquisar notícia
terça,
21 set 2021
PUB
Sociedade

CIM do Médio Tejo compra máscaras de proteção respiratória para bombeiros

8/09/2020 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Comunidade Intermunicipal (CIM) do Médio Tejo procedeu à aquisição de máscaras de proteção respiratória devido à ocorrência de incêndios florestais no país e, consequentemente, na região, durante a pandemia de covid-19.

"Atendendo ao facto de ainda estarmos perante uma situação de emergência de saúde pública, importa para a CIM do Médio Tejo e para os seus Municípios assegurar a sua não propagação, bem como proceder à adequação de medidas urgentes, a fim de evitar o contágio do vírus", explicou a Comunidade.

Neste sentido, a CIM do Médio Tejo e os seus Municípios adquiriram cerca de 880 máscaras de proteção respiratória, que têm como objetivo ser um complemento aos equipamentos de proteção individuais utilizados pelos operacionais, permitindo uma dupla função: a proteção de queimaduras e fumos e a redução do risco de infeção pelo covid-19.

A Autoridade Nacional de Emergência da Proteção Civil referiu ainda, na INSTROP 02/2020 - “Instrução de Mitigação do risco COVID-19 nas Operações de Proteção e Socorro”, a necessidade do uso de máscara, preferencialmente cirúrgica, com exceção das operações diretas de combate aos incêndios, acrescentando que, neste caso, torna-se necessária a utilização das máscaras de proteção a combate.

A presidente da CIM do Médio Tejo, Anabela Freitas, considera "imprescindível que os nossos bombeiros estejam devidamente equipados e que as regras de contenção do vírus estejam definidas, principalmente nos cenários mais críticos".

Máscara adquirida pela CIM do Médio Tejo