Pesquisar notícia
sábado,
25 set 2021
PUB
Sociedade

Árvore de Natal gigante e letreiro de Abrantes voltam a iluminar a época natalícia (C/FOTOS)

27/11/2020 às 19:29
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A iluminação de Natal em Abrantes foi hoje ligada, pelas 17:30. Este ano serão as luzes que vão dar mais brilho à cidade durante a época natalícia, especialmente nesta época de pandemia, tornando-a mais atrativa. Por exemplo, a árvore de Natal gigante, na torre de transmissões da cidade, tem 60 mil lâmpadas de tecnologia led. Desta forma, esta decoração, apesar dos tempos de confinamento convida a passeios pelos lugares, iluminados. Esta iluminação está localizada nas zonas mais comerciais da cidade e pretendem também ser uma ajuda a um setor que tem sido dos mais afetados pela pandemia.
Este ano, a magia do Natal chegou neste final de semana, 27 de novembro, com vários locais a iluminarem-se para dar mais brilho à cidade durante esta época festiva.

O presidente, Manuel Jorge Valamatos agradeceu o trabalho feito pela empresa e funcionários da autarquia que estiveram mais ligados a este processo. Por outro lado, disse esperar que esta iluminação “proporcione que as pessoas venham ao nosso comércio tradicional, ao nosso centro histórico e possam usufruir de tudo aquilo que temos à disposição”.

A escolha do local para inaugurar a placa turística luminosa de Abrantes foi, segundo o presidente Manuel Jorge Valamatos, escolher um sítio bastante movimentado, sendo que o mesmo é em frente à Escola Superior de Tecnologia (ESTA). Pretende-se que este letreiro se possa movimentar pelas praças da cidade, ou do concelho, de acordo com a altura e época do ano. É uma forma de movimentar "a identidade da Cidade".
O letreiro tem uma particularidade, pois a letra “B” está "decorada" com as pétalas de uma flor. Abrantes é a “Cidade Florida de um concelho verde e de ar puro” disse Manuel Jorge Valamatos.

A aposta da autarquia passa também por criar um extra-atrativo extra para o comércio e restauração de rua, que têm sido dos setores mais afetados pelas medidas de contingência da pandemia.