Pesquisar notícia
segunda,
20 set 2021
PUB
Sociedade

Antena Livre 40 anos - “Foram 16 anos históricos na minha vida”

17/02/2021 às 09:14
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Olá a todos, sou o Fernando Correia e venho contar-vos o meu percurso na rádio...

Comecei na Antena Livre em fevereiro de 1989, sempre gostei muito de Rádio e de grandes vozes. Nessa altura estava na moda o típico Programa da RFM que era os 100 mais… uma Playlist que rodava das 10 as 19h, as 100 músicas que estavam mais badaladas na altura

E a minha entrada na rádio foi da seguinte forma: O falecido fundador e Amigo Manuel Sousa Casimiro, sabia dessa minha paixão pela rádio e convidou-me para fazer uns testes na RAL, em Arreciadas, e assim foi. Fui lá e, na altura com 13 anos, um pouco envergonhado lá fui fazer um teste. Ele gostou e passada uma semana eu estava no ar. Era o mais novo da Rádio e, mais tarde, entrou o Jerónimo Jorge, o que foi bom para mim pois eu era ali um miúdo no meio de gente adulta...

Lembro-me para além do fundador Manuel Casimiro, estava o António Colaço, o Rui Cabral, o Hélder Silvano, o Carlos Almocim, o Estevão Ramos, o Carlos Ramos, o Francisco Paiva Franco, a Fernanda Mendes, a Kina Oliveira, a Anabela Almeida, o Vítor Falcão, o Vítor Florentino, o Santos Ruivo, a Carla Tereso, o Luís Ferreira, o Jorge Duarte, o Paulo Valério, o Joaquim Mendes, o José Ramos, o Paulo Rui Esteves, o José Baptista, a Helena Silva, o Augusto Martins e o Carlos Martins, entre outros. Peço desculpa aos quais não fiz referência, pois de momento não me consigo lembrar de todos.

Vim em 1991 inaugurar os estúdios no nº 12 da Rua Manuel Constâncio onde permanecemos ainda durante muito tempo. Foi em 2000 ou 2001 que a rádio veio para onde ainda está hoje, na Rua General Humberto Delgado. Entretanto, o alvará da RAL tinha sido adquirido pelo grupo Lena e o Albano Santos, responsável pela nova Rádio Antena Livre, que me convidou a continuar no novo projeto onde estive até dezembro de 2005.

Foram, sem dúvida, 16 anos históricos na minha vida .

É para mim um orgulho enorme ter feito parte deste projecto, e quero dar um grande abraço de parabéns a todos os que lá trabalham hoje em dia e que fazem um excelente trabalho. Eu estou cá. Se for preciso podem contar comigo.

Um abraço

Fernando Correia