Pesquisar notícia
sexta,
17 set 2021
PUB
Sociedade

Abrantes: Suspenso Regulamento de Estacionamento no centro histórico devido a obras

26/02/2018 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Câmara Municipal de Abrantes vai proceder à suspensão do regulamento do estacionamento de veículos no centro histórico, devido às obras que estão a decorrer na cidade.

A medida, provisória e parcial, foi anunciada por Maria do Céu Albuquerque, presidente da CMA, na sexta-feira, na sessão da Assembleia Municipal.

A autarca avançou que está prevista a “suspensão dos lugares de estacionamento destinados a residentes, a comerciantes e a prestadores de serviços, passando os mesmos a serem destinados a estacionamento gratuito de longa duração. Serão ainda suspensos os lugares destinados a autocarros de turismo, com direcionamento para o centro coordenador de transportes bem como os lugares destinados a autocaravanas”.

“Quando houverem autocarros de turismo deixam as pessoas no centro histórico voltam [para o centro coordenador de transportes) e regressam para apanharem os turistas”, explicou a presidente.

De seguida, Maria do Céu Albuquerque deu conta que estão previstos lugares de estacionamento, “que embora não disponham de uma dimensão padrão, permitam provisoriamente o estacionamento de veículos ligeiros em condições de segurança”.

A responsável referiu que serão disponibilizados lugares de estacionamento de forma “faseada” no largo 1º de Maio, “em articulação com a evolução dos trabalhos da obra [a decorrer no local], quer os atuais lugares que ainda não sejam abrangidos pela intervenção, quer os novos lugares que decorram da nova solução urbanística”.

A presidente avançou ainda que serão colocados “painéis informativos de direcionamento para as principais bolsas de estacionamento” e serão “distribuídos flyers informativos nos locais habituais”.

Em vigor vão manter-se os lugares tarifados, reservados, destinados a deficientes, a cargas e descargas, a táxis e a motociclos.

Assim ficarão disponíveis 123 lugares tarifados, 9 reservados, 980 lugares de longa duração e gratuitos, 17 destinados a pessoas com mobilidade reduzida, 21 para cargas/descargas, 7 lugares para táxis, 2 para autocarros, 3 para autocaravanas e 8 para motociclos.

A suspensão do regulamento do estacionamento de veículos no centro histórico deve-se às obras que estão a decorrer no Convento de São Domingos para a instalação do Museu Ibérico de Arqueologia e Arte (MIAA) que tornaram inacessível a plataforma superior de estacionamento na imediação do convento. O MIAA deverá ficar concluído a 28 de maio de 2019.

Também a obra que está a decorrer na igreja de São Vicente diminui os lugares disponíveis, estando agora somente 27 lugares disponíveis. Estima-se que a obra fique concluída no próximo dia 3 de maio.

Por último, a requalificação do Largo 1º de Maio deve arrancar no próximo dia 5 de março e vai influenciar o estacionamento naquela praça. Segundo a Autarquia estima-se que a empreitada decorra durante 240 dias.

Fonte CMA