Pesquisar notícia
segunda,
20 set 2021
PUB
Sociedade

Abrantes: Câmara aprova minuta de protocolo referente à Rota Cultural e Etnográfica das Ribeiras da Arcês, do rio Frio e Tejo

2/11/2018 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Câmara de Abrantes aprovou no dia 30 de outubro, a minuta do protocolo referente à Rota Cultural e Etnográfica das Ribeiras da Arcês, do rio Frio e Tejo, a celebrar entre a Direção Geral do Património Cultural, a Associação Cultural das Rotas de Mouriscas e os Municípios de Abrantes, Sardoal e Mação.

Esta Rota, que abrange áreas dos territórios de Abrantes, Mação e Sardoal, nasceu de uma proposta vencedora do Orçamento Participativo Portugal 2017, tendo como autor o cidadão António Louro.

Os três municípios envolvidos na execução do projeto, por via do património cultural existente na área das respetivas influências territoriais, apresentaram-se como parceiros naturais e indispensáveis para a sua execução, informa o Município de Abrantes em nota de imprensa.

O protocolo estabelece as condições de colaboração entre a Direção Geral do Património Cultural (DGPC), os três municípios e a Associação Cultural das Rotas de Mouriscas efetiva as condições para o desenvolvimento da Rota.

Na mesma nota, informa a Câmara que o projeto será executado por uma equipa multidisciplinar, integrando representantes das entidades envolvidas no protocolo. O trabalho a desenvolver por essa equipa técnica será materializado na identificação e levantamento do património natural (vestígios, pontes, azenhas, grutas, etc.), industrial urbano e histórico dos vales do Tejo, das ribeiras de Arcês e do Rio Frio; sinalização de obras de valor cultural, estabelecendo itinerários de acesso aos mesmos, promovendo a sua segurança e a sua divulgação.

O projeto dispõe de um investimento de 80 mil euros, assegurado pelo Estado Português, através da DGPC.