Sardoal: Município vai ter consultas de saúde oral no SNS abertas à população

Saúde 2019-10-30

O Município de Sardoal anunciou a celebração de um protocolo de cooperação com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo no sentido de implementar consultas de saúde oral no Centro de Saúde de Sardoal.

O assunto veio a reunião de Câmara esta quinta-feira, dia 30 de outubro, onde o presidente da autarquia, Miguel Borges, deu conta de que o papel do Município passa por “adquirir a cadeira e os materiais de dentistas” enquanto a ARSLVT fica responsável por “colocar os técnicos”, de modo a operacionalizar a futura valência que vai existir no centro de saúde.

Em declarações à Antena Livre, o autarca referiu que as consultas de dentista são “para toda a população” e gratuitas - com o pagamento da respetiva taxa moderadora do Serviço Nacional de Saúde.

Esperançoso de que o investimento seja “100% assumido por fundos comunitários”, Miguel Borges explica que, se tal não vier a acontecer, o Município apenas ficará com o encargo de 15% do investimento total que ronda os 40.000€.

Relembrando que o Município sardoalense aceitou a delegação de competências na área da saúde, o presidente de Câmara salienta que “a única responsabilidade que vamos ter são os serviços operacionais”.

Não deixando de afirmar que a falta de aposta na saúde oral tem sido “uma falha muito grande no nosso Serviço Nacional de Saúde”, o autarca considera ainda que esta iniciativa é uma “mais-valia” e uma medida “muito importante para uma franja da população".

Recorde-se que no âmbito da assinatura de protocolos entre a ARSLVT e os Municípios do Médio Tejo, já o Município de Constância anunciou também a implementação de consultas de saúde oral abertas à população no concelho: https://www.antenalivre.pt/noticias/constancia-municipio-anuncia-implementacao-de-consultas-de-saude-oral-no-sns-no-concelho-aberto-a-populacao/

Ana Rita Cristóvão