Palha de Abrantes fica nas meias finais das 7 Maravilhas

Região 2019-08-31

A Palha de Abrantes foi um dos doces que participou este sábado na segunda meia-final do concurso 7 Maravilhas dos doces de Portugal. O doce de Abrantes tinha passado logo na primeira fase num júri que escolheu 7 doces por cada distrito, qualquer coisa como 140 doces de Portugal.

Numa segunda fase, a nível distrital, num programa da RTP emitido a partir de Santarém o doce típico de Abrantes ganhou essa fase garantindo presença numa das duas meias-finais.

Nesta meia-final, programa da RTP feito em direto a partir de Ferreira do Zêzere, a Palha de Abrantes, um dos 14 doces em votação, não conseguiu ficar nos 7 primeiros, que davam acesso à presença na gala final do concurso, que se realiza a 7 de setembro.

Apesar de todo o trabalho de promoção da autarquia de Abrantes nos panfletos espalhados pelo concelho, nos outdoor’s ou nos vídeos do Palhinhas distribuídos pelas redes sociais o número de telefonemas não chegou para colocar o doce na final.

Como disseram os apresentadores, Catarina Furtado e José Carlos Malato, independentemente das votações é certo que os doces, todos eles, vão continuar a fazer as delícias de quem os comer.

Para a final, do programa realizado este sábado, passaram, por ordem aleatória: Pastéis de Tentúgal; Brisa do Liz; Bons Maridos (Ferreira do Zêzere); Filhós de Cabrela; Ovos Moles de Aveiro; Folar de Olhão; e Porquinho Doce.

Juntam-se aos doces já apurados a 24 de agosto: Amêndoas Cobertas de Moncorvo; Barrigas de Freira; Bolinhol de Vizela; Crista de Galo; Charuto dos Arcos; Roscas de Monção; e Mel Biológico do Parque de Montesinho.

A gala final será transmitida pela RTP a 7 de setembro, a partir de Montemor-o-Velho, e vai escolher, entre 14, as 7 Maravilhas dos doces de Portugal.