Na véspera da segunda fase de desconfinamento Médio Tejo tem mais um infetado em Ourém

2021-04-04

 

O Médio Tejo registou, nas últimas 24 horas, mais um caso de um cidadão que testou positivo ao SARS-Cov-2. Na véspera do início da segunda fase de desconfinamento a região tem agora um total acumulado de 12 752 pessoas que foram infetadas pelo vírus que provoca da doença Covid-19. Este caso anotado pelos laboratórios nas últimas 23 horas foi registado em Ourém, tal como o único caso do relatório deste sábado.

No que diz respeito a recuperados a região mantém as 12 325 pessoas que recuperaram da infeção e os 375 óbitos, pelo que o número de casos ativos no Médio Tejo é, neste domingo, de 52.

Já nas vigilâncias ativas a autoridade de saúde pública do ACES Médio Tejo dá conta de 103 pessoas identificadas e colocadas em quarentena. Estas pessoas têm o dever de isolamento porque tiveram contactos de risco com infetados. Os casos de confinamento estão registados em Abrantes (11), Alcanena (4), Entroncamento (19), Mação (1), Ourém (12), Sardoal (1), Tomar (23), Torres Novas (22) e Vila Nova da Barquinha (10). Constância e Ferreira do Zêzere são os concelhos que não têm qualquer cidadão em vigilância ativa.

A partir de segunda-feira, dia 5, avança a segunda fase do desconfinamento com as seguintes medidas:

Regresso à escola dos alunos do 2.º e 3º ciclos, do 5º ao 9º ano (e ATLs para as mesmas idades) equipamentos sociais na área da deficiência e Centros de Dia de apoio a idosos;

Reabertura de museus, monumentos, palácios, galerias de arte e similares;

Lojas até 200 m2 com porta para a rua podem reabrir para atendimento presencial dos clientes;

Feiras e mercados não alimentares (por decisão municipal);

Esplanadas (máximo 4 pessoas por mesa). Estabelecimentos devem encerrar às 22h30 durante os dias de semana e às 13h00 aos sábados, domingos e feriados;

Modalidades desportivas de baixo risco

Atividade física ao ar livre até 4 pessoas e ginásios sem aulas de grupo.