Pesquisar notícia
sábado,
25 set 2021
PUB
Região

Covid-19: Médio Tejo com mais sete infetados e mais de 200 pessoas em confinamento

28/05/2021 às 19:30
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A região de saúde do Médio Tejo tem nas últimas 24 horas o registo de mais sete infetados com o vírus SARS-CoV-2, registados nos concelhos de Alcanena (3), Ourém (3) e Torres Novas (1). De acordo com o relatório diário da Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo desta sexta-feira, o número total de casos positivos destes 11 concelhos desde que começou a pandemia, em março de 2020, é de 12 956.

De acordo com o relatório diário, há mais 10 pessoas recuperadas, num total de 12 487. Mantém-se inalterado o número de óbitos (378).

Os casos ativos na região são esta sexta-feira de 91 distribuídos por Abrantes (8), Alcanena (14), Constância (1), Entroncamento (14), Ourém (22), Sardoal (1), Tomar (7), Torres Novas (19) e Vila Nova da Barquinha (5). Os concelhos de Ferreira do Zêzere e Mação não têm qualquer caso ativo.

 

Já no que diz respeito a vigilâncias ativas, há a registar mais 18 pessoas em confinamento por contacto de risco com infetados. Desde que começou a pandemia que a autoridade de saúde já decretou 7 920 confinamentos para isolamento profilático, com 7 712 a terem alta da quarentena.

De acordo com o relatório epidemiológico desta sexta-feira, dia 28 de maio, são 213 pessoas que estão em confinamento em Abrantes (2), Alcanena (15), Constância (2), Entroncamento (41), Mação (1), Ourém (74), Sardoal (3), Tomar (1), Torres Novas (73) e Vila Nova da Barquinha (1). Ferreira do Zêzere mantém-se como o único concelho no Médio Tejo que não tem qualquer pessoa em vigilância ativa.

 

Portugal registou uma morte relacionada com a covid-19 e 598 novos casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas, indica o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim epidemiológico, a região de Lisboa e Vale do Tejo continua a ser a que tem mais novos casos confirmados, com praticamente metade (295) dos 598 registados hoje e um óbito.

O número de internados em enfermaria voltou a aumentar, com mais 13 registos para um total de 246, e em unidades de cuidados intensivos estão 52 doentes, menos um do que na quinta-feira.

Os dados divulgados pela DGS mostram também que estão ativos mais 82 casos, num total de 22.534.

O índice de transmissibilidade (Rt) do coronavírus SARS-Cov-2 em Portugal, hoje revelado, manteve-se em 1,07 e a taxa de incidência de casos de infeção por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias aumentou para 59,6.