Pesquisar notícia
domingo,
19 set 2021
PUB
Região

Covid-19: Confinamento reduz em 50% número de novos casos em Tomar

8/02/2021 às 19:09
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

As medidas de confinamento decorrentes da pandemia de covid-19 geraram "resultados animadores" em Tomar, tendo o município dado hoje conta de uma descida superior a 50% dos casos de infeção na primeira semana de fevereiro, comparativamente à semana anterior.

"A situação epidemiológica na comunidade em geral evoluiu positivamente" e a "transmissão comunitária reduziu significativamente nas últimas semanas, consequência do confinamento obrigatório", concluiu hoje o município de Tomar, no distrito de Santarém, numa reunião de análise do Posto de Comando Municipal (PCMPC) aos dados da primeira semana de fevereiro.

Em comunicado, a autarquia indicou que “a análise feita (…) aos dados da primeira semana de fevereiro revela resultados animadores, observando-se uma descida superior a 50% dos casos de infeção, quando comparado com a semana anterior”.

No entanto, a câmara refere a ocorrência de "vários casos de infeções em lares", situações que, assegura, "estão a ser devidamente acompanhadas e que são em espaços controlados".
Em Tomar, na última semana, "não houve pedidos de descontaminação" e os profissionais do Corpo de Bombeiros mantiveram o acompanhamento às várias instituições e apoio na entrega de materiais, entre eles Equipamentos de Proteção Individual (EPIS) e contentores de resíduos.

Na mesma nota informativa, a autarquia presidida por Anabela Freitas (PS) refere ainda que o Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT), que agrega os hospitais de Abrantes, Tomar e Torres Novas, "avançará com a abertura de uma sétima enfermaria covid e serão, ainda hoje, preparadas mais quatro camas em cuidados intensivos", na unidade hospitalar de Abrantes, hospital de referência para tratamento a doentes covid-19 no Médio Tejo.

"O CHMT está a prestar apoio a Unidades Hospitalares mais impactadas pela pandemia", pode ler-se na mesma informação, revelando que "este fim de semana já recebeu vários doentes provenientes doutras entidades da área de Lisboa e Setúbal (para enfermaria) e um doente de Torres Vedras (unidade de cuidados intensivos)".

Para a abertura de mais uma enfermaria covid-19, "o Serviço de Cardiologia, instalado na Unidade Hospitalar de Abrantes foi este fim de semana transferido, provisoriamente, para a Unidade Hospitalar de Torres Novas", acrescenta.

No arranque do ensino à distância, ainda na sequência das atuais medidas de confinamento, o município de Tomar deu conta de um conjunto de medidas de apoio à Comunidade Escolar, entre elas a cedência de meios informáticos e a entrega de refeições escolares, seja através do serviço de ‘take-away’ (na zona urbana) ou entrega de vales em compras nas mercearias locais (nas zonas rurais).

Relativamente à segunda fase do plano de vacinação nacional contra a Covid-19, a presidente da autarquia refere ter hoje "sugerido que a Câmara e as Juntas de Freguesia fossem envolvidas nos contactos a efetuar com os utentes", uma vez que a "articulação entre a Câmara e as Juntas de Freguesia seria mais eficaz no que diz respeito a contactar os utentes destas faixas etárias, muitas vezes desprovidos de meios, tanto de comunicação como de transporte", proposta que "será apresentada às entidades competentes".

O mais recente boletim enviado pela Unidade de Saúde Pública do ACES Médio (USPMT) indica que em Tomar recuperaram 1.100 pessoas dos 2.325 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2 registados desde março de 2020, e que na semana entre 01 e 07 de fevereiro registaram-se 174 novos casos positivos, menos 156 que na semana anterior.

Desde março de 2020, Portugal já registou 14.354 mortes associadas à covid-19 e 767.919 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2.

Lusa