COVID-19/Chamusca: Confirmado o primeiro caso no concelho

2020-04-03

A Câmara Municipal da Chamusca confirma a existência do primeiro caso de infeção Covid-19 no município. A pessoa em causa é um jovem de 11 anos, residente na freguesia do Pinheiro Grande, e já se encontrava hospitalizado aquando da realização do teste.

Os casos suspeitos estão em quarentena e a serem acompanhados pelas autoridades de saúde.

“Precisamos de nos manter calmos e serenos. Continuar a adotar as práticas recomendadas pela Direção-Geral da Saúde e não entrar em facilitismos. Trata-se de uma questão de saúde pública em que todos somos responsáveis pelo cumprimento da sua parte, só assim será possível minimizar as cadeias de transmissão dentro do nosso concelho”, indica o presidente da Câmara Municipal, Paulo Queimado.

Com o apoio de todas as Juntas de Freguesia continuam a ser implementadas as medidas de higienização que estão a ser levadas a cabo nos locais de utilização pública e mobiliário urbano, ecoponto e contentores de RSU´s, em todo o concelho. Como medida de prevenção, os serviços municipais de atendimento ao público continuarão encerrados, mas a dar resposta através do atendimento via telefónica.

Foi ainda lançada uma nova linha telefónica de apoio gratuita #Chamusca – Dúvidas e Apoio COVID-19 (800 209 569) para todos os que precisem de esclarecer as suas dúvidas.

Toda a informação e contactos úteis disponível em: https://www.cm-chamusca.pt/covid-19estamoson .

A Câmara Municipal da Chamusca apela à serenidade de todos os cidadãos e pede a cada um que seja responsável e adote todos os comportamentos preventivos e indicados pela Direção-Geral da Saúde, pois só assim será possível travar esta pandemia. A Autarquia recorda que “o isolamento social voluntário, que cumpra as recomendações já divulgadas, assim como as medidas de higiene, são determinantes para evitar o crescimento da pandemia Covid-19. Os ajuntamentos de mais de cinco pessoas estão proibidos. Deve-se ficar, sempre que possível, em casa. Se surgirem sintomas como febre, tosse ou dificuldade respiratória, pede-se a todos os munícipes que não se desloquem aos Serviços de Saúde, e liguem para o SNS24 - 808 24 24 24, seguindo as orientações que lhes forem indicadas”.