Cheias/Constância: Preocupação com descargas do Castelo de Bode (COM ÁUDIO)

Região 2019-12-21
Constância - 11H
Constância - 11H

Em Constância, as águas continuam a subir e, para já, a situação mais preocupante vive-se na margem do rio Zêzere onde os estabelecimentos de restauração já se estão a precaver.

No Bar do Zêzere, apesar de encerrado nesta altura do ano, os proprietários já retiraram o mobiliário possível. Ao lado, o Dewal Divina Pizzaria & Restaurante Indiano já vê a água muito perto e, às 12:30, já tinham começado a arrumar tudo por precaução, apesar de ainda estarem a funcionar.

A situação pode piorar a qualquer momento pois há a informação de que a barragem do Castelo Bode vai efetuar descargas elevadas estando, neste momento a debitar 1200m3 por segundo.

Na Rua do Tejo, a mesma já está cortada ao trânsito devido à subida da água do rio.

Marco Gomes, comandante em exercício dos Bombeiros Voluntários de Constância demonstra “muita preocupação com as descargas que o Castelo de Bode vai efetuar, uma vez que ainda não sabemos se vão aumentar ou não”.

Já Sérgio Oliveira, presidente da Câmara Municipal, mostra igualmente “muita preocupação” com a zona ribeirinha inundada pois “irá precisar de uma intervenção em toda a zona” assim que as águas baixarem.

Já esta manhã, no concelho de Abrantes, a estrada entre Arrifana e S. Miguel do Rio Torto esteve cortada ao trânsito. A via chegou a estar submersa devido ao transbordo do Rio Torto.

Dos números de monitorização desta manhã, o rio Tejo subiu um metro e o rio Zêzere subiu 60 cm. 

Vamos continuar a acompanhar a situação na região.

Constância às 13H.

OUÇA AQUI: