Duarte Marques reeleito Presidente da Comissão para as Diásporas do Conselho da Europa

Política 2019-01-24

Duarte Marques, eleito pelo distrito de Santarém pelo PSD, que recentemente foi relator do Conselho da Europa para “uma reforma mais humanitária da resposta europeia à crise dos refugiados”, foi ontem reeleito em Estrasburgo, França, como Presidente da Comissão para as Diásporas do Conselho da Europa.

O Deputado do PSD, natural de Mação, mantém-se também como Coordenador da Plataforma para as Políticas da Diáspora, para a qual foi eleito em setembro de 2018.

Esta estrutura junta representantes dos Parlamentos Nacionais dos 47 Estados-Membros com Associações, ONGS ou Plataforma representativas das Diásporas presentes nestes países (num total de 170 organizações) e juntou esta semana em Kiev, decisores políticos e representantes das Diásporas dos 47 países.

Esta Plataforma do Conselho da Europa pretende “sentar os decisores políticos à mesma mesa que os representantes destas comunidades” explica Duarte Marques, recordando que vivemos “uma época tão crucial para a integração de migrantes nos países europeus”.

Para Duarte Marques “só através da boa integração destas comunidades conseguimos o verdadeiro acréscimo de qualidade de vida para todos, para os que chegam, mas também para os que já cá estão”, mas por outro lado “é preciso garantir que estas pessoas têm um papel ativo na regeneração ou desenvolvimento dos seus países de origem”.

Refira-se que o Deputado português não participou nesta eleição por se encontrar de licença de parental até ao próximo dia 11 de fevereiro.

A Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa é constituída por 642 representantes das forças políticas dos 47 Estados membros, tanto as que estão no poder como as que estão na oposição. Reuniu-se pela primeira vez a 10 de agosto de 1949, pode ser considerada a mais antiga Assembleia Parlamentar baseada num tratado internacional com composição pluralista de membros de parlamentos democraticamente eleitos.