Abrantes: Movimento ALTERNATIVAcom quer delegada de saúde a explicar números da pandemia

2020-12-08

O movimento ALTERNATIVAcom emitiu um comunicado em que revela congratular-se com a diminuição do índice de risco de contágio do concelho no próximo Estado de Emergência que entra em vigor esta quarta-feira, dia 9. “Esta é uma boa notícia, reflexo da consciência e do comportamento cívico dos cidadãos”, pode ler-se no comunicado enviado às redações.

Apesar desta posição inicial o movimento entende que “esclarecimentos prometidos, bem como o apuramento de responsabilidades e as suas consequências, os quais implicam e comprometem também o município de Abrantes, designadamente no que se refere ao relacionamento institucional com a delegada de Saúde Pública do Médio Tejo, ao conhecimento efetivo que tem da evolução da pandemia no concelho e às expectativas que criou nos agentes económicos e na população em geral”.

Neste sentido o movimento independente defende que a Câmara de Abrantes deve convidar a Delegada de Saúde, Maria dos Anjos Esperança, “a dar explicações na sessão da Assembleia Municipal do próximo dia 11 de dezembro, confrontando-as com as que são esperadas da parte do presidente da Câmara Municipal de Abrantes”.

O movimento diz não se sentir esclarecido com as explicações e o que motivou o erro dos números dos infetados em Abrantes e conclui a referir: “achamo-nos no direito de exigir esclarecimentos e saber quais as consequências efetivas para as responsabilidades apuradas”.