Pesquisar notícia
terça,
28 set 2021
PUB
Sociedade

PJ detém grupo de oito pessoas que furtava na região da Lezíria do Tejo

28/04/2021 às 10:38
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um grupo de seis homens e duas mulheres suspeitos de crimes de furto qualificado, detenção de arma proibida e tráfico de armas, que atuava na região da Lezíria do Tejo.

Em comunicado, a PJ revela que o grupo agora desmantelado na “Operação Bandoleiros”, com idades entre os 18 e os 70 anos, residia e atuava na zona de Salvaterra de Magos, distrito de Santarém.

Os suspeitos dedicavam-se a furtos em residências, em estabelecimentos comerciais e industriais e em viaturas de transporte de mercadorias, onde roubavam, entre outros, eletrodomésticos, produtos agrícolas, maquinaria, detergente, cobre e combustível.

Segundo a PJ, a investigação teve início em 2019, após informações dando conta da atividade do grupo naquela zona rural, que raramente era denunciada pelas vítimas ou pela população, por temerem represálias, dado que os suspeitos residiam na área.

As autoridades realizaram ainda nove buscas domiciliárias nas residências dos suspeitos, onde foram recuperados vários bens e valores provenientes dos furtos, nomeadamente televisores, frigoríficos, micro-ondas, motosserras, corta-sebes, embalagens de detergente, treze jerricãs de 20 litros com combustível e outros objetos.

Na operação, que contou com a colaboração de equipas cinotécnicas da GNR, foram também apreendidos oito espingardas, caçadeiras e carabinas, dois revólveres, mais de 400 munições de diversos calibres e várias armas brancas.

De acordo com a PJ, os detidos vão ser hoje presentes a primeiro interrogatório judicial, no qual serão aplicadas as medidas de coação.

Lusa