Covid-19: Instituto Politécnico de Tomar suspende aulas presenciais até 29 de março

Educação 2020-03-12
ESTA (DR: Antena Livre)
ESTA (DR: Antena Livre)

O Instituto Politécnico de Tomar (IPT), que abrange o Campus de Tomar e também o polo de Abrantes - Escola Superior de Tecnologia de Abrantes, anunciou a suspensão das aulas presenciais e de "quaisquer outras atividades de todos os ciclos de estudos superiores" devido ao atual estado de crise epidemiológica do novo coronavírus em Portugal.

Num despacho do presidente do IPT, João Freitas Coroado, é referido que o Plano de Contingência do politécnico foi aprovado a 9 de março e que prevê a possibilidade de adoção de "medidas excecionais visando tal contenção, prevenção e controlo".

Assim, ouvida a equipa de acompanhamento do plano, ouvidos os diretores das escolas e autoridades locais, foi determinada a suspensão das aulas presenciais em todo o IPT até ao próximo dia 29 de março, numa medida que abrange tanto Cursos Técnicos Superiores Profissionais, Licenciaturas, Mestrados e Pós-Graduações, entre "outros cursos que exijam a presença dos estudantes nas instalações do IPT e das respetivas escolas e nos centros de formação do IPT".

Informa o comunicado que as aulas presenciais devem "ser substituídas por meios alternativos de ensino e aprendizagem, com adoção de metedologias de ensino à distância e realização de atividades alternativas como trabalhos e orientação em tutoria".

"As componentes de ensino que não possam ser lecionadas através do recurso a estes meios, nomeadamente, aulas práticas e aulas laboratoriais, serão retomadas logo que possível", adianta o IPT.

Apesar das restrições, o IPT dá conta de que vão estar disponíveis durante a semana salas exclusivamente para alunos que pretendam assistir a aulas online. No entanto, há limitações do número de alunos por sala. No que diz respeito à ESTA, vai estar disponível a sala 1 do edifício principal, entre as 9h00 e as 22h00, com limite de presença simultânea de 20 estudantes.

"Os estudantes que permaneçam nas salas devem guardar um distanciamento social entre si de pelo menos 2 metros", diz o despacho que explica que as salas em questão "serão limpas três vezes por dia - ao princípio da manhã, ao fim da manhã e fim da tarde".

Redação Antena Livre