Abrantes premiou os melhores alunos do secundário e profissional do concelho

Educação 2019-10-11

O auditório da Escola Secundária Dr. Manuel Fernandes acolheu a cerimónia de entrega dos Prémios de Mérito aos melhores alunos do ensino secundário e profissional do concelho de Abrantes, referentes ao ano letivo 2018–2019. A cerimónia foi ao final da tarde desta sexta-feira, dia 11 de outubro, e esteve integrada nas Jornadas da Educação de Abrantes que estão a acontecer este mês com ações descentralizadas ao longo deste período.
Os prémios aos alunos de mérito 2018/19, no valor de 1.250 euros cada um, foram entregues a
Diogo Filipe da Costa Reis (Ensino Secundário – Escola Dr. Manuel Fernandes); Pedro Miguel Marques Sousa (Ensino Secundário – Escola Dr. Solano de Abreu; Pedro Afonso Correia de Sousa (Ensino Profissional – Escola Dr. Solano de Abreu); e David Gomes Moniz (Ensino Profissional - Escola Profissional Desenvolvimento Rural de Abrantes).
Na cerimónia estiveram o Pedro Miguel Sousa e o David Moniz enquanto que o Diogo Reis e o Pedro Afonso Sousa, já em aulas fora de Abrantes, estiveram representados pelos pais.
Os prémios de mérito são entregues pela Câmara Municipal de Abrantes (dois) e pela empresa Tejo Energia (dois).
O processo de seleção é feito pelas respetivas escolas. De acordo com a vereadora com o pelouro da Educação da Câmara de Abrantes, Celeste Simão, esta cerimónia não tem tido data certa uma vez que não pode ser mais cedo, devido ao processo de avaliação das escolas. Mesmo assim trata-se do reconhecimento que é feito, anualmente, aqueles que se esforçam e que têm resultados. Celeste Simão deixou a nota de que este é uma das peças de todo um projeto educativo concelhio que tem visível o apoio da comunidade, dentro da palavra que está este ano na ordem do dia: Colaboração. A vereadora destacou que “o esforço e dedicação dos alunos é fundamental, mas é preciso que a comunidade dia presente”.
Beatriz Milne, presidente executiva da Tejo Energia, empresa proprietária da Central do Pego, destacou que de todos os apoios que a empresa dá na região e no país este é, seguramente, o mais importante porque vai premiar o mérito dos estudantes. E depois frisou a importância que os professores têm na vida dos alunos.
Alcino Hermínio, diretor da Escola Secundária Dr. Manuel Fernandes, que este ano acolheu a cerimónia, vincou a responsabilidade que os alunos têm ao receber este prémio. Passam a ser olhados como exemplo pelos outros alunos das escolas do concelho e da região. “Foram os nossos melhores alunos, quer se queira ou não”.
A abrir a cerimónia atuou a orquestra de cordas com alunos do 6º, 7º, 8º e 9º anos da Escola Dr. Manuel Fernandes, e o encerramento esteve a cargo da orquestra de sopros da mesma escola.

Beatriz Milne, Jorge Costa, Pedro Miguel Sousa, Celeste Simão e os pais do Pedro 

Beatriz Milne, Jorge Costa, Pedro Miguel Sousa, Celeste Simão e a mãe do Pedro Afonso Sousa

João Quinas, Beatriz Milne, David Moniz e Celeste Simão

Alcino Hermínio, Beatriz Milne, Celeste Simão e a mão do Diogo Reis

Alcino Hermínio

Beatriz Milne 

Celeste Simão

Orquestra de Cordas da Escola Secundária Dr. Manuel Fernandes

Orquestra de Sopros da Escola Secundária Dr. Manuel Fernandes