Distrito de Santarém teve 83 novas empresas em abril

Economia 2019-05-24

Foram criadas, em Abril, 83 novas empresas no distrito de Santarém. Os dados são avançados esta sexta-feira pela Nersant, Associação Empresarial da Região de Santarém.

Mesmo assim, segundo a associação empresarial, neste mês foram criadas menos 37 do que no mês anterior e menos 17 do que em igual período do ano passado.

Quanto aos concelhos que mais empresas criaram em abril, mantêm-se os lugares cimeiros da tabela para Santarém, com a criação de 14 sociedades, e para Ourém, com a criação de 11. Abrantes surge em 3.º lugar, com 9 empresas criadas.

Se olharmos para dados comparativos, o pódio de abril de 2019 é igual ao de abril de 2018: o ano passado também Santarém foi o campeão quanto à criação de empresas (18 empresas), seguindo-se Ourém (13) e Abrantes (9).

Ainda segundo os dado reunidos pela Nersant, os concelhos de Benavente e Cartaxo criaram seis empresas em cada território, sendo que Rio Maior, Tomar e Entroncamento criaram cinco em cada um dos concelhos.

Com três empresas criadas em cada concelho, seguem-se Alcanena, Almeirim, Salvaterra de Magos e Torres Novas. Alpiarça, Coruche, Chamusca e Golegã criaram em abril, duas sociedades em cada concelho. Em Ferreira do Zêzere e Vila Nova da Barquinha nasceu apenas uma empresa em cada território, no período analisado. Constância, Mação e Sardoal não apresentaram criação de empresas em abril.

Das 83 sociedades criadas em abril no distrito, destaque para o Comércio a retalho (8), Agricultura e produção animal combinadas (5), Comércio por grosso de materiais de construção (5), Construção de edifícios (5), Atividades de medicina (4), Outras atividades de consultoria para os negócios e a gestão (4), Atividades de consultoria em informática (3) e Compra e venda de bens imobiliários (3).

Quanto ao sexo dos promotores dos investimentos, continua a predominar o sexo masculino. Os homens criaram, em abril, 55 empresas (66%) e as mulheres, 28 (34%).