Abrantes: Corvus Trail com 350 atletas, muito calor, e vontade de entrar no circuito nacional

Desporto 2019-05-05

O Corvus Trail recebeu cerca de 350 atletas nas duas provas realizadas este domingo na zona de Mouriscas, concelho de Abrantes, com distâncias de 15 e de 27 quilómetros. Vindos de diversos pontos do país os atletas elogiaram os percursos com zonas de aceleração e outras muito técnicas, para além de paisagens fantásticas por entre trilhos das ribeiras.

Este trail contou com a organização do Clube Orientação e Aventura (COA) de Abrantes em parceira com a ACROM (Associação Cultural das Rotas de Mouriscas) porque os percursos escolhidos passaram pelos trilhos que esta associação tem vindo a limpar e consolidar como espaços de visita.

O calor intenso foi o maior adversário dos atletas face a um percurso considerado difícil o que levou alguns deles, à chegada, a sugerir manter o trail mas no período de inverno. Modo geral à medida que iam chegando e quando o speaker fazia as perguntas da praxe, mesmo cansados, a satisfação era a palavra mais ouvida.

Artur Oliveira, diretor da prova e membro do COA disse à Antena Livre que estes dois dias foram importantes porque movimentaram muita gente, com a caminhada e a atividade para os mais pequenos no sábado, e com o trail este domingo. O responsável pela prova, destacou a intenção de colocar o Corvus Trail no circuito nacional da modalidade, talvez já no próximo ano. “Não escondemos que temos a ambição de colocar a nossa prova nos circuitos nacionais. Hoje foi o marco para provarmos que conseguimos estar nesse nível”, explicou o diretor desta competição.

Quanto à logística é sempre considerável, mas o dirigente destacou a experiência do COA nestas organizações.

Em termos de futuro está em marcha a preparação do Abrantes 100 Km’s que acontecerá em outubro e que tem provas de 25, 50 e 100 quilómetros individuais e estafetas e adiantou a colaboração que vão dar à Câmara Municipal de Gavião na preparação de um trail no mês de novembro por alturas das comemorações dos 500 anos da vila.

 

No trail longo, numa distância de 27 quilómetros Miguel Arsénio venceu com o tempo de 2 horas 19 minutos. O mais lento e que foi acompanhado pelos atletas vassoura do COA fez o percurso com em 5 horas e 50 minutos.

No trail curto de 15 quilómetros o vencedor, Mário Firmino, gastou o tempo de 1 hora 18 minutos e 21 segundos enquanto que o último classificado gastou o tempo de 3.55:21.

 

 

Geral – Trail 27 Km’s

1 – Miguel Arsénio (Trilho Perdido/Imporlux) 2:19:01

2 – António Almeida (Vitória Futebol Clube Trail Running) 2:21:43

3 – Fernando Gomes (Clube de Atletismo de Ferreira do Zêzere) 2:29:50

Trail 27 km’s (feminino)

1 – Carina Silva (Clack Entroncamento/Ondatrilhos) 3:26:14

2 – Sofia Nunes (Cork Trail Team) 3:29:12

3 – Anabela Remédios (Batalha) 3:30:49

Geral - Trail 15 Km’s

1 – Mário Firmino (Dirtrunner’s)   1.18.21

2 – Fábio Martins (CCD O Alvitejo) 1.20.35

3 – José Mestre (Clube Atletismo Viana do Alentejo) 1.22.18

Trail 15 km’s (Feminino)

1 – Patricia Lopes (Santarém) 1:50:21

2 – Eliana Raimundo (Dá-lhe Gás Team) 1:53:05

3 – Laura Paulos (Trilho Perdido Eventos/Imporlux) 1:53:18

 

 

Pode consultar os resultados gerais e por escalão nas seguintes ligações:

https://www.arrowliveresults.com/15KCorvusTrail

https://www.arrowliveresults.com/27KCorvusTrail