COVID-19: Entroncamento tem mais 3 casos. Há 13 pessoas recuperadas

2020-08-14

São 13 as pessoas que foram esta sexta-feira, 14 de agosto, consideradas como recuperadas da doença provocada pelo SARS-COV-2. No total, na área de abrangência do ACES Médio Tejo, são já 289 as pessoas que tiveram alta em 480 casos registados desde o início da pandemia na região.

As boas notícias também continuam no que às vigilâncias ativas diz respeito. O último relatório epidemiológico da Unidade de Saúde Pública do ACES Médio Tejo dá conta que 20 pessoas deixaram de estar em situação de isolamento por terem contactado com alguém infetado.

As 63 vigilâncias ativas que se mantêm estão registadas em Abrantes com 6 (mais 1), 1 em Constância, 17 no Entroncamento, 21 em Mação (menos 4), 3 em Ourém (menos 1), 7 em Tomar (menos 14), 6 em Torres Novas (menos 2) e 2 em Vila Nova da Barquinha.

Já quanto a casos confirmados de infeção, há a registar mais três no concelho do Entroncamento.

No global, o relatório epidemiológico da Unidade de Saúde Pública do ACES Médio Tejo dá conta que os casos ativos de infeção se registam em Abrantes (30), Alcanena (2), Constância (1), Entroncamento (15), Ferreira do Zêzere (3), Mação (21), Ourém (17), Tomar (84), Torres Novas (14) e Vila Nova da Barquinha (3).

O ACES Médio Tejo abrange a área territorial de 11 municípios com cerca de 235 mil utentes. Abrange as unidades de saúde de Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Vila nova da Barquinha, numa área territorial de 2.706,10 Km's quadrados.

Já os concelhos da Sertã e Vila de Rei que fazem parte do Médio Tejo na divisão político-administrativa em termos de saúde pertencem ao ACES do Pinhal Interior Sul que abrange ainda os concelhos de Proença-A-Nova, Oleiros e cerca de 30 mil utentes.