Pesquisar notícia
quinta,
13 mai 2021
Covid-19

Covid-19: Médio Tejo com mais 3 casos positivos e 316 vigilâncias ativas (C/ÁUDIO)

22/04/2021 às 19:43
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

O Médio Tejo tem mais três infetados com o coronavírus. De acordo com o relatório epidemiológico da Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo (USPMT) desta quinta-feira, de 22 de abril, com estes casos registados em no Entroncamento (1) e Sardoal (2) este território atingiu um total acumulado de 12 833 infetados deste que começou a pandemia.
Ainda de acordo com a saúde pública o número de recuperados (12 395) e óbitos (378) é igual ao de terça-feira pelo que a região tem 60 casos ativos. Os concelhos de Constância, Ferreira do Zêzere e Vila Nova da Barquinha não têm qualquer caso ativo ao passo que as 60 pessoas que estão infetadas e em confinamento são de Abrantes (28), Alcanena (2), Entroncamento (4), Mação (4), Ourém (9), Sardoal (2), Tomar (10) e Torres Novas (1).

Sardoal com uma turma em confinamento

Os dois casos de Sardoal registados em Sardoal colocam uma turma do Agrupamento de Escolas Judite Andrade em confinamento. Miguel Borges, presidente da Câmara de Sardoal revelou isso mesmo numa publicação na sua página de Facebook: “Depois de mais de um mês sem casos COVID 19, voltámos a ter 2 casos e 16 vigilâncias ativas. Uma turma do nosso Agrupamento está em isolamento profilático, alunos e professores!”

O autarca sardoalense faz depois um apelo ao cumprimento de todas as regras da Direção-Geral de Saúde no sentido de a população não aliviar as medidas de autoproteção.

Já no que diz respeito às vigilâncias ativas os números voltam a subir, havendo nesta quinta-feira 316 pessoas em confinamento por terem tido contactos diretos com infetados. Os dados da USPMT dá conta de mais 67 pessoas a quem foi decretado o confinamento em relação ao dia de ontem. Estas 316 pessoas estão registadas pelas autoridades em Abrantes (146), Alcanena (5), Constância (3), Entroncamento (65), Mação (3), Ourém (19), Sardoal (16), Tomar (21), Torres Novas (37) e Vila Nova da Barquinha (1). Ferreira do Zêzere é, nesta quinta-feira, o único concelho desta região de saúde sem qualquer cidadão em vigilância ativa.

Escola de Chainça com testes Covid negativos. Presidente da Junta defende vacinas para motoristas

Os alunos, professores e auxiliares da Escola do 1.º Ciclo de Chainça já receberam os resultados dos testes Covid feitos esta quarta-feira na sequência de um caso positivo detetado naquele estabelecimento. Ao que a Antena Livre conseguiu saber os testes foram pedidos pela delegada de saúde depois de um aluno ter testado positivo e que levou ao confinamento de duas turmas daquele estabelecimento.

Esta decisão da saúde pública foi tomada por forma a alargar o rastreio para evitar eventuais contágios numa escola que tem pré-escolar e em que as crianças não usam máscara.

A Escola do 1.º Ciclo de Chainça é uma comunidade constituída por cerca de 300 pessoas com cerca de 270 alunos e 30 professores e auxiliares.

Presidente da Junta de Abrantes e Alferrarede defende vacinação dos motoristas das juntas

Uma das turmas desta escola entrou em confinamento porque o aluno infetado partilhava o transporte da junta de freguesia com outras crianças.

Bruno Tomás, presidente da Junta de Freguesia de Abrantes e Alferrarede, explicou à Antena Livre que assim que teve conhecimento deste caso, no domingo, tomou a liberdade de colocar em confinamento os motoristas que fazem o serviço de transportes escolares. Mesmo sem a decisão da autoridade de saúde afirmou que sentiu essa necessidade por forma a tranquilizar os pais. E disse ainda que a medida foi validada pela delegada de saúde.

Ou seja, na segunda-feira, os transportes escolares foram efetuados por outros dois empregados da Junta.

É por este motivo que Bruno Tomás deixa o alerta das autoridades para a necessidade de vacinação dos funcionários das juntas de freguesia porque, tal como professores e auxiliares da ação educativa, lidam diariamente com as crianças.

Bruno Tomás, presidente UF Abrantes e Alferrarede

Bruno Tomás espera que estes casos registados em Abrantes estejam circunscritos e que não provoquem novos contágios. E deixou o apelo para que todas as pessoas continuem a tomar todas as medidas de proteção individual porque o vírus continua entre nós.