Pesquisar notícia
quarta,
29 set 2021
PUB
Concelhos

Vila de Rei: Passadiços do Penedo Furado avançam para segunda fase

5/06/2020 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Os passadiços do Penedo Furado são uma das grandes atrações deste concelho, no centro de Portugal. Depois de inaugurados caíram no goto dos visitantes e passaram a estar sempre muito concorridos. E já se sabia que aquela era apenas a primeira fase.

Agora a Câmara Municipal de Vila de Rei revela que tem a decorrer, até 15 de junho, o processo de consulta prévia e apresentação de propostas para a segunda fase dos passadiços.

Trata-se, segundo a autarquia, de uma obra com um investimento da ordem dos 105 mil euros e com um prazo de execução de quatro meses. No descritivo da empreitada fica a saber-se que a mesma vai ligar o atual término dos Passadiços ao miradouro das Fragas do Rabadão. No total serão mais 760 metros com regularização do piso e colocação de guardas em madeira acrescentando ainda mais 260 metros de passadiços em madeira.

A autarquia revela ainda que os trabalhos vão ainda criar uma via de acesso à “Bicha Pintada” em passadiço de madeira. Ou seja, vão ser feita a remoção das grades metálicas e consequente substituição por madeira e substituição de pontes em betão por pontes em madeira.

Paulo César Luís, vice-presidente da autarquia diz que “depois do enorme sucesso atingido com a criação dos Passadiços do Penedo Furado [que ajudou bastante a impulsionar ainda mais o turismo em Vila de Rei] tornava-se necessário expandir esta infraestrutura para que os visitantes possam, de forma mais rápida, fácil, segura e acessível, chegar a novos pontos e miradouros.

O Turismo tem, cada vez mais, vindo a afirmar-se como uma das áreas que mais pode dinamizar e auxiliar a economia local e, desta forma, o alargamento dos Passadiços do Penedo Furado será mais um importante passo nesse sentido.”

 

Ancoradouro de Fernandaires pronto a usar

A Câmara Municipal de Vila de Rei divulgou ainda a conclusão do novo ancoradouro da Praia Fluvial de Fernandaires. Trata-se de um local onde podem aportar a barcos de lazer e marítimo-turísticos.

As normas de utilização do ancoradouro foram aprovadas pelo Executivo Municipal em reunião ordinária realizada a 5 de junho.

Os lugares de amarração do ancoradouro são atribuídos pela Câmara Municipal de Vila de Rei aos proprietários de embarcações que sejam titulares de documentos de registo de embarcação e que residam ou operem habitualmente no Concelho de Vila de Rei, preferencialmente em Fernandaires.

A autarquia explica ainda que os espaços no ancoradouro de Fernandaires têm os seguintes preços 300€ por ano para titulares de um Cartão Etário Municipal; 500€ por ano para não titulares de um Cartão Etário Municipal; 150€ por mês para titulares de um Cartão Etário Municipal; 250€ por mês para não titulares de um Cartão Etário Municipal; amarração temporária gratuita até um máximo de três horas; 50€ por ano para embarcações tradicionais em madeira. Segundo o Município de Vila de Rei todos os valores apresentados são ainda sujeitos ao IVA.