Pesquisar notícia
terça,
21 set 2021
PUB
Concelhos

Vila de Rei: Município aprova procedimentos para obras de saneamento, rede de águas e ETAR na Fundada

18/05/2018 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Câmara Municipal de Vila de Rei aprovou hoje, por unanimidade, o valor de 1.839.000,00 € para avançar com as obras de reabilitação da rede de saneamento, da rede de águas e na ETAR de Fundada.

Inicialmente, a empreitada apresentava um preço base de 1.503.000,00 €. Acontece que, segundo explicou Ricardo Aires, presidente da Câmara Municipal, o valor não contemplava a realização da rede de distribuição de água. “E uma vez que se vai renovar a rede de saneamento, haverá todo o interesse e necessidade de renovar a rede de distribuição de água”, referiu.

Em declarações à Antena Livre, o presidente lembrou que a obra conta com uma comparticipação em 85%, através do POSEUR, Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, e que é uma “grande obra para o concelho de Vila de Rei e, neste caso, para a freguesia de Fundada”.

Recorde-se que as Estações de Tratamento de Águas Residuais do Carrascal, Milreu, S. João do Peso também vão ser alvo de obras de melhoramento e reabilitação, conforme foi aprovado, por unanimidade, na reunião de Câmara ordinária realizada a 20 de abril.

Os trabalhos a realizar vão permitir que as Estações possam dar continuidade ao tratamento das águas residuais, de forma a que as mesmas funcionem de forma eficaz e continuem, desse modo, a garantir a boa qualidade ambiental dos ecossistemas naturais.

Os Concursos Públicos para as empreitadas apresentam um preço base de 82.000€ para a ETAR do Carrascal, 187.000€ para o Milreu e 265.000€  para S. João do Peso.

Também, foi hoje aprovada, na reunião de Câmara, a “Operação de Reabilitação Urbana da Fundada” que permite aos residentes da localidade usufruírem de um conjunto de benefícios fiscais, por exemplo para a recuperação do edificado dentro do núcleo urbano da localidade.

“Este é um modo de melhorar a habitação. As pessoas podem contar por exemplo a com a isenção do IMI “, lembrou Ricardo Aires.

O presidente salientou, que para além dos benefícios fiscais que contempla a ORU, o Município disponibiliza também “o Regulamento Municipal de Apoio à Recuperação de Edificações Degradadas”, que permite que os proprietários beneficiem de apoios nas obras de conservação, beneficiação e reparações das suas habitações.