Pesquisar notícia
segunda,
20 set 2021
PUB
Concelhos

Sertã recebe 7ª edição do Festival do Maranho

11/07/2017 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Sertã recebe a 7ª edição do Festival de Gastronomia do Maranho entre os dias 13 e 16 de julho.

O evento decorre na Carvalha, que “é o salão de visitas da Sertã”, junto à Casa da Cultura e junto ao tribunal. “É um espaço muito fresco e muito verde”, referiu o presidente da Câmara da Sertã, José Farinha Nunes.

José Farinha Nunes, em declarações à Antena Livre, explicou que “a gastronomia é o motor de desenvolvimento, não só do Município da Sertã, mas também desta região, da região do Pinhal”.

O autarca referiu que a “economia gira em volta de dois fatores: a gastronomia em primeiro lugar e a floresta”. Realçou ainda que a gastronomia é “muito diversificada, não estamos a falar apenas de maranho”.

As tasquinhas do 7º Festival do Maranho convidam a provar o Maranho da Sertã, a sopa de peixe, Bucho Recheado, Cartuchinhos à moda de Cernache, Filhós, Coscorões, Merendas Doces mas também os queijos, enchidos, presuntos, vinho da região, cerveja artesanal e a água ardente de medronho, que são algumas das iguarias que vão estar à disposição de todos.

A animação promete não faltar durante estes três dias e José Farinha Nunes explicou à Antena Livre o que presenteia este Festival: “Concertos, ateliês, teatro de rua, showcooking com a chef Justa Nobre, animação musical com a prata da casa e grupos a nível nacional como os Atoa, UHF e Big Gang”.

No último dia, no domingo, dia 16, o programa Somos Portugal, da TVI, vai estar presente durante todo o dia na Sertã e o presidente da Câmara referiu que “é importante para a região (…) mostra bem as potencialidades que temos”.

 “O grande prémio do atletismo, a rota do maranho e a apresentação de um filme logo à entrada do festival que mostra toda a história do maranho”, são algumas das novidades do Festival do Maranho referidas por José Farinha Nunes.

“Este ano tem mais 30% do que no ano anterior”, aludiu o presidente da Câmara, indicando que este ano o Festival tem “135 expositores e 175 stands”. O autarca explica que, de ano para ano, existe “um aumento na procura deste Festival de Gastronomia”.

“Estamos a falar, não só de gastronomia e atividades ligadas à gastronomia, mas também a todas as áreas do comércio, das artes, da indústria e dos serviços. Daí ter aumentado para estes 30%”, afirmou José Farinha Nunes.

Na 6ª edição do Maranho, em 2016, passaram pela Sertã “30 mil pessoas e este ano queremos que, pelo menos, iguale ou passem mais”, finalizou o autarca.