Pesquisar notícia
sábado,
25 set 2021
PUB
Concelhos

Sardoal: “Eucalipto Grosso” não representa perigo para a população

13/07/2018 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

“A questão da segurança já não está em causa”. Quem o diz é o presidente da Câmara do Sardoal, Miguel Borges, referindo-se ao “Eucalipto Grosso”, uma árvore de grande porte localizada junto à Tapada da Torre.

Na reunião ordinária da Câmara Municipal, que decorreu dia 12 de julho, o autarca referiu que o eucalipto, que é classificado como de interesse público, não representa um problema de segurança pública, uma vez que “já foram retirados os ramos que poderiam vir, mais tarde ou mais cedo, a cair”.

Depois de uma avaliação do Município do Sardoal, em conjunto com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e com uma empresa da área contratada, a primeira fase de reabilitação da árvore consistiu em “cortar todos os ramos que podiam apresentar alguma perigosidade para as pessoas que passassem”, afirma o autarca.  

O presidente da Câmara Municipal refere que não houve “acidentes materiais nem pessoais” e que estão asseguradas as condições para que a estrada se encontre aberta ao trânsito.

A segunda fase de reabilitação da árvore vai consistir num trabalho “propriamente na árvore”, de modo a perceber qual a melhor intervenção para que esta possa viver “muito mais anos”. O objetivo é contratar um cientista na área que indique qual a intervenção mais adequada consoante as características (copa, etc.) do eucalipto.

O corte da árvore não está em causa, uma vez que a máxima do concelho é “precisamente o contrário”, ou seja, conservá-la. Contudo, o presidente da Câmara defende que “primeiro está a segurança das pessoas”e que “nenhuma árvore classificada vale uma vida.”

O Município do Sardoal relembra que nos últimos anos o “Eucalipto Grosso” já tinha sido alvo de duas intervenções com vista a melhorar as condições de continuidade da árvore e a salvaguardar a segurança do espaço envolvente.

Ana Rita Cristóvão

Estagiária