Pesquisar notícia
segunda,
20 set 2021
PUB
Concelhos

Incêndios: “Há fogo por todo o lado” – vereador Vasco Marques

17/08/2017 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Reacendimentos e frentes de fogo ativas e a lavrar com grande intensidade continua a ser o cenário nos concelhos de Mação, Sardoal e Abrantes.

Vasco Marques, vereador da Câmara Municipal de Mação, deu-nos conta que, no seu Concelho, “surgem pequenos focos de incêndio por todo o lado”.

“Junto às aldeias onde ardeu nos últimos dias, tem aparecido fogo por todo o lado. Na vila de Mação, neste momento, há várias zonas em perigo com o fogo a aparecer. Apaga-se um, aparece outro. Há fogo no meio das casas, é um fogo de quintal, muito perigoso e que aparece em todo o lado”, afirmou o vereador.

“Por outro lado, também temos fogos em área florestal, junto das aldeias de Rosmaninhal, Casal da Barba Pouca e próximo de Ortiga”, disse Vasco Marques.

“A situação é novamente muito preocupante. Temos reacendimentos e temos uma nova frente muito intensa, a lavrar na zona de Lercas e a descer para Entre Serras. É uma frente que vem de Sardoal, completamente descontrolada”, confirmou Maria do Céu Albuquerque.

A presidente da Câmara Municipal de Abrantes referiu que “embora tenhamos já nesta altura muitos meios no terreno e muitos meios aéreos, a temperatura é altíssima e o vento mudou, mais uma vez, às 15 horas”.

“Não temos tréguas porque, sistematicamente, do lado de Mação, do lado de Sardoal, do lado de Abrantes, neste teatro de operações e noutros locais, estamos a ter novos focos de incêndios, novos reacendimentos e isto é, de facto, muito, muito, muito preocupante”, desabafou a autarca.

Já na freguesia de Mouriscas, que desde ontem se vê a braços com as chamas, neste momento, “não encontramos nenhuma situação que mereça especial importância”.

No concelho de Sardoal, “neste momento existem vários reacendimentos que vão desde a Tojeira até ao Vale Formoso, numa extensão a todo o comprimento da freguesia de Alcaravela, que nos está a dar muitas preocupações”, confirmou à Antena Livre Miguel Borges.

O presidente do Município de Sardoal relatou que “às 13 horas, o incêndio do lado de Sardoal estava a ser dado como em resolução mas, lamentavelmente, minutos depois (bastou virar as costas) o cenário era o mesmo que se vivia ontem”.

Relativamente ao reforço dos meios, o autarca sardoalense diz que se nota no terreno mas que “os homens estão muito cansados. Alguns deles estão nesta vida há muitos dias. Era preciso um refrescamento maior. Vamos ver o que é que o resto do dia nos guarda”.

No terreno, estão no combate às chamas 1007 operacionais, 291 meios terrestres e 13 meios aéreos.

(Notícia atualizada às 17H)

Crédito Foto: Manuel Lopes