Pesquisar notícia
sábado,
25 set 2021
PUB
Concelhos

Delegação de Abrantes da Ordem dos Advogados quer “recolocar Abrantes no mapa” a nível judicial

25/02/2017 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Os novos membros da direção da Delegação de Abrantes da Ordem dos Advogados (OA) tomaram posse esta sexta-feira, na sede da delegação, numa cerimónia onde o advogado António Velez assumiu a presidência do órgão.

Em declarações à Antena Livre, António Velez disse ter alguns objetivos, nomeadamente “ajudar os carenciados” e “recolocar Abrantes no mapa” a nível judicial.

O advogado afirmou que “há muitas pessoas que não sabem", mas que a OA de Abrantes “ajuda carenciados todos os dias, através das nomeações de advogados gratuitamente ao requerem o apoio judiciário. E melhor do que gratuitamente não pode existir. Todas essas despesas das nomeações somos nós que as temos”.

De seguida, o advogado disse querer “recolocar a OA de Abrantes no mapa sem ser à custa de casos” que tem “em mãos”. A nível judicial o responsável referiu-se à importância do regresso do Tribunal de Família e Menores e que um dos seus sonhos é contribuir para “ter cá a grande Criminalidade e o Direito do Trabalho”.

No entendimento do advogado, o Tribunal de Abrantes está ainda “completamente desmembrado graças ao poder politico e aos desvaneios da anterior Ministra da Justiça. Desvaneios esses, que atual Ministra não tem”, referiu.

A equipa do advogado António Velez para o triénio 2017 – 2019 é constituída pelos vogais Cristina Brito Alves, Ana Paula Milho, Mariana Macide e André Timóteo.

Recorde-se que o advogado Santana-Maia Leonardo foi o presidente deste órgão no mandato anterior.

O Agrupamento de Delegações de Abrantes da Ordem dos Advogados trabalha com as comarcas de Golegã, Mação, Entroncamento e Ponte de Sôr.