COVID-19: Médio Tejo sobe para 25 casos e Abrantes passa a ter 3 e Sardoal 1 (ATUALIZADA - C/ÁUDIO)

Concelhos 2020-03-28

No boletim epidemiológico do ACES Médio Tejo deste sábado ficou a registar-se um aumento de seis casos na região, passando a ter 25 casos positivos. No total na região existem 188 vigilâncias ativas e 111 passivas.

Também hoje Abrantes passou de um para três casos positivos e passou a ter 23 pessoas em vigilância ativa.

Tomar continua a ser o concelho com mais casos positivos de COVID-19, são agora sete, e com mais vigilâncias ativas, 66.

Ainda segundo os dados divulgados hoje Ourém regista cinco casos positivos e 11 vigilâncias ativas, Torres Novas quatro casos positivos e 60 vigilâncias ativas, Alcanena três pessoas infetadas e 11 vigilâncias.

No boletim deste sábado Sardoal tem um caso de uma pessoa infetada e quatro em vigilância ativa.

Barquinha e Constância continuam a registar um caso cada, mas se Constância não têm vigilâncias ativas a Barquinha tem 12 pessoas em casa, nesta situação.

De referir que apenas Mação e Ferreira do Zêzere não têm no Médio Tejo qualquer caso positivo identificado. No entanto, Ferreira do Zêzere tem uma pessoa em vigilância e Mação três.

Ao nível dos óbitos a região do Médio Tejo continua a registar dois óbitos (Alcanena e Tomar).

Maria dos Anjos Esperança, unidade de Saúde Pública ACES Médio Tejo

O ACES Médio Tejo aglutina os concelhos de Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha.

Vila de Rei e Sertã são dois concelhos que pertencem à Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, mas que na área da Saúde dependem de Castelo Branco, nomeadamente do Agrupamento de Centros de Saúde do Pinhal Interior Sul, que monitoriza estas situações.